Arquivo do autor:Manoel Galdino

Sobre Manoel Galdino

Conrthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.

Socialismo ou O que posso esperar?

Eu participei, no começo da semana, de uma série de inquisições no twitter sobre porque ainda falar em socialismo. A premissa dos meus inquisidores era algo como: “Socialismo a essa hora, zero dois?”. E ontem, em conversa com amigos, retomávamos … Continuar lendo

Publicado em internet, Manoel Galdino, Política e Economia | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Martin Amis

Creio que a primeira vez que ouvi falar no Martin Amis foi no livro de memórias do Christopher Hitchens. Eu já conhecia o Ian McEwan, outro autor bastante citado pelo Hitchens. Então fiquei curioso para ler algo do Martin Amis. … Continuar lendo

Publicado em Arte e Cultura, literatura, Manoel Galdino, orquídeas selvagens | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Links

Really nice post about leaving Brazil. A Alemanha também é uma jabuticaba (só aqui no Brasil edition) Belo texto do Gregório Duvivier sobre o conservadorismo nas eleições. Uma viagem a se fazer. Celular causa câncer/Alzheimer? (ainda cético, leiam por conta … Continuar lendo

Publicado em english, Manoel Galdino | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Aquecimento global

John Quiggin, no The Croked Timber, tem um post sobre as dificuldades de convencer a direita negacionista a aceitar o aquecimento global. Mas mais interessante mesmo é o comentário do do Bruce Wilder nesse mesmo post. Um trecho: I don’t … Continuar lendo

Publicado em ciência, Manoel Galdino, meio ambiente, Política e Economia | Marcado com , , , , , , , , , | 1 comentário

Crap

Em Teresina, vento frio e pálido Tremelique, pileque, pastiche Silêncio, gritava Antônio, calado Condenado, murmurava cabisbaixa Alice A que deu o azo? shhhhhhhhh shhhhhhhhhh … … … … … Mais um minuto de silêncio Cores, cores, mil cores Quem ousa … Continuar lendo

Publicado em Arte e Cultura, Manoel Galdino, orquídeas selvagens, poesia | Marcado com , , , | Deixe um comentário

“Só muita torcida contra pode impedir uma pessoa racional de perceber como Dilma é favorita”

A Thaís Zara, uma colega dos tempos de faculdade (graduação), aparentemente escreveu um relatório, pela consultoria em que trabalha, em que faz algumas previsões sobre as eleições vindouras. Eu não li o relatório, então é difícil falar sobre o que … Continuar lendo

Publicado em estatística, Manoel Galdino, Política e Economia | Marcado com , , , , , , , , , , , , , | 6 Comentários

Esteira

“Você é cheinho!” Aquela frase ressoava em sua cabeça. Não é que fosse uma grande coisa, um drama mexicano. Não, nada disso. Era outra coisa. Sempre se imaginou como uma pessoa magra. Desde sua infância sempre foi magrinho, e aquela frase … Continuar lendo

Publicado em Arte e Cultura, Manoel Galdino, orquídeas selvagens | Marcado com , , | Deixe um comentário