Mídia e eleições, distorções mais uma vez

Estava eu no Uol quando vejo a chamada abaixo:

Fiquei triste de ver minha Alagoas, mais uma vez, associada ao nome de Collor. Quase não clico no link da chamada, mas resolvi ver os números. Eis que então me deparo com a notícia abaixo:

Eu fico realmente impressionado com a capacidade da mídia distorcer as coisas. Será que eles não tem vergonha não? Em primeiro lugar, maioria (absoluta) dos eleitores é 50% + 1 dos eleitores, pelo menos. Em segundo lugar, 23% e 22%, em pesquisa eleitoral, é empate ténico, pois está dentro da margem de erro. Enfim, as imagens falam por si.

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em internet, Política e Economia e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s