Analisando a Cartilha do PT

Saiu uma cartilha do PT falando do sucesso do governo lula com números e gráficos (hat tip pro Idelber). A cartilha faz uma avaliação da Economia e de políticas setoriais (Política Externa, Educação etc.) Eis meus “quick thoughts”:

Obviamente os números são selecionados pra elogiar o governo Lula. Mesmo assim, sobre economia:

1. Preocupante a queda no superávit comercial (no auge chegou a mais de R$ 40 bi, e projeta-se R$ 15 bi)

2. Escolher 95 como base para comparação é um pouco ruim por causa do plano real em 94.

3. Acesso a crédito é visto como conquista cidadã. Eu não acho desprezível não, mas banco no Brasil é pior que banco em outros lugares. Além disso, e contraditoriamente com minha crítica ao uso de crédito, é extremamente baixo o acesso (45% do PIB).

4. Tem comparação que é abobrinha (como volume de empréstimos do BNDEs). Podiam pelo menos deflacionar, né? Ou então olhar como proporção do PIB. Só que aí, a coisa não fica tão boa pro governo Lula (ainda que melhor que no FHC). Por outro lado, o crescimento do BNDES pode dar ensejo a críticas, como já foi feito por aí.

5. Investimentos Públicos: como tudo, aumentou no governo Lula. Mas a compração correta é a proporção do orçamento. Se for a mesma do FHC, o Lula apenas manteve a proporção de investimentos… Suposição razoável diante da vinculação de muitas das receitas da União.

6. Impressionante o crescimento de empregos formais e o aumento da participação dos salários no PIB. Críticos como eu, que falam em priorização do setor financeiro tem que ajustar a crítica.

Sobre Política Externa

1. Falam em fortalecimento do Mercosul. Tá bom! Alguém acredita nisso?

2. ALCA: Ainda com isso? Não vejo essa diferença toda entre FHC e Lula.

3. Integração da América do Sul: pífia, ao contrário do que diz o texto.

4. Ok para diversificação de parceiros. Mas notem que nos três itens anteriores não há um número, enquanto que para diversificação de parceiros há números. Como disse o Celso, I rest my case.

O resto não vou falar, pois conheço pouco das outras áreas e demandaria mais tempo meu para analisar. Como disse acima, são meus “quick thoughts”.

Sobre os gráficos:

1. Tem uns gráficos legais, mas podiam ter usado o R em vez do excel (os gráficos tem cara de excel).

2. O gráfico de empregos criados pelo governo Lula e FHC podia ser melhor. Há uma linha comparando FHC com Lula e elas tem o mesmo tamanho (passagem do tempo igual, de 8 anos). Só que isso não traduz a diferença de desempenho.

3. Eu acho muito ruim gráfico com dois eixos y (um do lado esquerdo e outro do lado direito). Isso acontece no gráfico de emprego formal e informal. O pior é que a unidade é a mesma, então o leitor fica confuso. Péssima escolha. Não tinha ninguém que entendia de gráficos não?

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em Manoel Galdino, Política e Economia e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s