Direitos dos Gays

Olhem essa notícia na folha: senado americano barra lei que permitiria gays assumidos participarem do exército americano. Segundo o jornal, são necessário 60 votos para aprovar a lei, mas isso não é inteiramente preciso.

Aos que pouco conhecem do funcionamento do senado americano e a matéria não explica, uma lei ordinária requer, obviamente, apenas maioria simples dos votos para ser aprovada. O problema é a figura do filibuster.O filibuster é um procedimento do congresso americano em que um senador (de qualquer partido) pode na prática impedir a votação de uma lei ao requisitar ad eternum debate da lei no plenário. O senador vai, pede a palavra e fica discursando, mesmo que para ninguém. Depois vem outro, e outro, e voltam os mesmos etc. e pode ficar assim para sempre, em tese. Os senadores podem impedir a prática do filibuster por meio da cloture, que basicamente determina que os debates estão encerrados e vai se proceder a votação. São necessários 60 votos para usar a cloture, e por isso a reportagem fala que os democratas tentaram obter os 50 votos, mas não conseguiram.

Voltando agora ao tema dos direitos dos Gays, chamou minha atenção essa posição (tá na reportagerm) dos militares de dizer que são favoráveis à lei, mas com mudança gradual, para não afetar o “moral da tropa”.

Pois é, pode ser que um soldado se revele gay no meio de uma batalha no afeganistão e isso cause a morte dele e de outros soldados. Afeta o moral da tropa? Tá de brincadeira, né?

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em Arte e Cultura, Política e Economia e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s