Política externa de Lula e Dilma

Recentemente a Dilma disse que era contra o apedrejamento no Irã, numa declaração bem diferente do que é feito por Lula. Agora, Lula elogiou a escolha da Rússia como sede do mundial pela Fifa, ignorando as denúncias de corrupção sobre a Fifa e Ricardo Teixeira, e, óbvio, sem fazer menção à falência da democracia na Rússia.

Que a esquerda brasileira silencie a esse respeito é bastante sintomático da dificuldade de fazer uma análise crítica do governo Lula. Vamos acompanhar como as coisas evoluem no governo Dilma. Meu palpite é que haverá algumas diferenças em relação ao governo Lula.

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em Manoel Galdino, Política e Economia e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Política externa de Lula e Dilma

  1. Dawran Numida disse:

    É de duvidar que haja qualquer crítica a qualquer coisa que Lula fale sobre quaisquer coisas por parte de apoiadores. Só a saída do cargo poderá fazer algo a respeito. Isso se a atenção de apoiadores voltarem-se para a sucessora. E caso estes parem de falar da volta de Lula num sabastianismo sem época e sem noção.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s