“Novo” Manifesto Comunista, por Adorno e Hockheimer

Via The Crooked Timber, sensacional link com notas  não publicadas, de Adorno e Hockheimer, sobre um  novo Manifesto Comunista (nos anos 50 do século passado, pelo que entendi).

Li tudo, mas ainda não consegui digerir. Tem coisas que não entendi. Mas eles também sempre foram meio elípticos, difíceis de entender. Depois vou reler com mais calma. Se alguém ler e quiser comentar, faça o favor.

ps.: Pra quem não sabe, Adorno e HockHeimer foram dois dos mais influentes e importantes filósofos marxistas após a Revolução Russa. Não somente criaram a “escola de Frankfurt”, como também instauraram uma nova agenda para o pensamento crítico, avançando em relação à Marx e ao marxismo oficial da URSS. São também autores do clássico ‘Dialética do Esclarecimento’, que entre outras coisas argumenta que a própria razão traz em si o seu negativo, isto é, o Mito. Em outras palavras, o próprio processo de racionalização, cujo maior exemplo seria o esclarecimento (às vezes traduzido por iluminismo, mas em alemão é Aufklarung, e esclarecimento é mais adequado, pois dá a idéia de processo, presente no termo em alemão) seria mitológico. Creio que é algo assim. Faz tempo que li e nunca li o livro inteiro!

 

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em Manoel Galdino, Política e Economia e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s