Experimentos sugerem que simples ataques ad hominem pioram tremendamente o restante de uma conversação online

Via @relances, no twitter, esse texto, de uma revista eletrônica, dizendo que decidiu fechar a caixa de comentários, pois as discussões facilmente degingolavam para posições polarizadas sem sentido.

São resultados importantíssimos, e preocupantes, para quem se preocupa com discussões que possam produzir aprendizados ou convergências para com ideias mais próximas da verdade.

Sem ter lido os estudos, diria que deve haver muita variação nesses resultados. Há contextos e contextos. E mais, temos que aprender, nessa nova sociedade em que vivemos, que precisamos aprender a discutir online. Isso precisa ser ensinado nas escolas e em casa pelos pais. Deve fazer parte da educação. Só precisamos definir o que é uma boa educação a esse respeito.

Um trecho:

A politically motivated, decades-long war on expertise has eroded the popular consensus on a wide variety of scientifically validated topics. Everything, from evolution to the origins of climate change, is mistakenly up for grabs again. Scientific certainty is just another thing for two people to “debate” on television. And because comments sections tend to be a grotesque reflection of the media culture surrounding them, the cynical work of undermining bedrock scientific doctrine is now being done beneath our own stories, within a website devoted to championing science.

Trecho do estudo, citado por eles:

Uncivil comments not only polarized readers, but they often changed a participant’s interpretation of the news story itself.
In the civil group, those who initially did or did not support the technology — whom we identified with preliminary survey questions — continued to feel the same way after reading the comments. Those exposed to rude comments, however, ended up with a much more polarized understanding of the risks connected with the technology.
Simply including an ad hominem attack in a reader comment was enough to make study participants think the downside of the reported technology was greater than they’d previously thought.
Anúncios

Sobre Manoel Galdino

Corinthiano, Bayesiano e Doutor em ciência Política pela USP.
Esse post foi publicado em english, Manoel Galdino, Política e Economia e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s